Autor admin

poradmin

Resumo da tramitação do PLP 149/39 e da atuação da ABC

Atendendo a pedidos, o Presidente da ABC , Leandro Lima fez um resumo da tramitação do PLP 149/39 e da atuação da ABC:

O PLP (Projeto de Lei Complementar) 149/2019 (Plano Mansueto de ajuda aos Estados e Municípios) foi apresentado à Câmara dos Deputados pelo Poder Executivo no dia 04/06/2019 e foi aprovado no dia 13/04/2020 sem nenhuma menção a vedações de promoções ou progressões de servidores públicos.

No dia 02/05/2020 (sábado) foi rejeitado o PLP 149 e aprovado o PLP 39/2020 no plenário do Senado, incluíndo a vedação de promoções e progressões de servidores públicos até dezembro de 2021 (inclusive o tempo até lá fica congelado), excluindo das vedações os servidores da saúde e segurança dos Estados e Municípios.

Ao retornar para a Câmara, no dia 05/05, o primeiro relatório incluiu os servidores da segurança pública da União, citando o artigo 144 da Constituição Federal, fato que excluiu os Órgãos Periciais desvinculados das Polícias Civis. Depois de muita negociação e com o apoio de Deputados de diversos Estados (através dos presidentes das entidades estaduais), conseguimos incluir os “técnicos e peritos criminais” nas exceções previstas no texto da Câmara, apesar de termos sugerido a expressão “servidores da perícia oficial de natureza criminal”.

Entendendo que o texto aprovado na Câmara geraria diferentes interpretações e possíveis problemas nos Estados, solicitamos apoio a diversos Senadores (novamente através dos presidentes das entidades estaduais) para que o texto fosse corrigido. Na reanálise do Senado (dia 06/05 – ontem), a expressão “técnicos e peritos criminais” foi substituída por “servidores das carreiras periciais”, finalmente deixando claro que todos os servidores da perícia, vinculados ou não às Polícias Civis, não terão vedações de promoções e progressões, da mesma forma que os demais servidores da segurança, saúde e educação.

A participação ativa das entidades representativas estaduais (sindicatos e associações) sob a coordenação da ABC foi fundamental para conseguirmos mais esse resultado positivo (menos ruim) para a nossa já escaldada categoria.

O projeto agora segue para sanção do Presidente da República.

*Muito obrigado a todos os envolvidos.*

Leandro C. Lima
Presidente da ABC

poradmin

Governo de Minas Gerais anuncia escala de pagamento de Maio

O governo de Minas divulgou nesta quarta-feira (6) , o pagamento dos salários dos servidores das áreas de saúde e segurança pública vai acontecer integralmente no dia 15 de maio.

Fonte: Jornal O Tempo

poradmin

Aniversariantes do mês de Maio

Aos aniversariantes, desejamos um feliz aniversário, saúde e sucesso.

poradmin

Aniversariantes do mês de Abril

Aos aniversariantes, desejamos um feliz aniversário, saúde e sucesso.

poradmin

Associação FECHADA,a partir do dia 20 de março

Tendo como prioridade nossa política de total transparência e visando o bem-estar geral e a saúde de todos, em virtude da pandemia do Corona Vírus (Covid-19) e DETERMINAÇÃO CONFORME DECRETO Nº 17.304/2020, a  ACEMG – Associação de Criminalística do Estado de Minas Gerais  estará fechada a partir de 20 de março.

Contamos com a compreensão de todos os associados. Pedimos que continuem honrando com os compromissos firmados com a Associação, desta forma, nossos funcionários e credores não serão prejudicados. Vivemos um momento delicado em todo o mundo e precisamos cuidar uns dos outros para restabelecermos o mais breve possível o convívio . Venceremos juntos este período de adversidade.

Sugerimos que permaneçam em casa. Cuidem de seus pais, avós e tios que são os principais afetados pelo o Covid-19.

Atenciosamente,

A Diretoria

poradmin

Dia Internacional da Mulher – 8 de Março

A ACEMG deseja a todas mulheres um Feliz Dia da Mulher!

Uma simples homenagem a quem com força, sabedoria e delicadeza, transforma o  dia a dia em algo suave e encantador.

poradmin

Governo de Minas Gerais anuncia escala de pagamento de Março

 

poradmin

Agenda dos Seminários da ABC 2020

A  ABC– Associação Brasileira de Criminalística divulga sua agenda dos seminários desde ano.

Natal

28, 29 e 30 de Outubro

Engenharia, meio ambiente, trânsito, identificação veicular.

 

Alagoas

24, 25, 26 e 27 de  Novembro

Documentóscopia,  análise de imagens,  perícia contábil,  crimes em informática.

 

Rio de Janeiro

07, 08, 09, 10 e 11 de  Dezembro

DNA, balística, crimes contra a vida,  papiloscopia.

poradmin

Reunião com o Senador Antônio Anastásia

Reunião do Presidente da ACEMG,do SINDPECRI e da ABC com o Senador Antônio Anastásia.

poradmin

Aniversariantes do mês de Março

Aos aniversariantes, desejamos um feliz aniversário, saúde e sucesso.

poradmin

Recesso de Carnaval

Em virtude do Carnaval, a Associação de Criminalística do Estado de Minas Gerais – ACEMG , informa que entrará em recesso no período de  24 a 26 de fevereiro(segunda a quarta-feira).  As atividades serão retomadas normalmente dia 27(quinta-feira).

A todos um ótimo feriado!

poradmin

PL 1451/2020 é aprovado em primeiro turno na ALMG

Foi aprovado na manhã desta terça-feira (18/02), em primeiro turno, o Projeto de Lei 1451/2020, que trata de reposição das perdas inflacionárias dos Servidores da Segurança Pública, na Assembleia Legislativa de Minas Gerais.
Dos deputados estaduais presentes 60 votaram favorável e 2 votaram contra o PL 1451/2020. Agora a tarde o mesmo passará novamente pela Comissão de Fiscalização Financeira e Orçamentária (FFO).

Sem luta não há conquista!

poradmin

Aniversariantes do mês de Fevereiro

Aos aniversariantes, desejamos um feliz aniversário, saúde e sucesso.

10-2  Pedro Masson Júnior

13-2  Cláudia Regina Costa Passos

15-2  Renato Alexandre Amaral

19-2  Eduardo José de Sá

22-2  Berenice Maria Resende Lara

28-2  José Roberto Campos Nunes

28-2  Sylder do Carmo Herinques

poradmin

Governo de Minas Gerais anuncia escala de pagamento de Fevereiro

O governador Romeu Zema (NOVO) publicou em suas redes sociais, na manhã desta sexta-feira (31), a escala de pagamento dos servidores do Estado de Minas Gerais para o mês de fevereiro.

A primeira parcela será depositada em 10 de fevereiro – sendo que servidores da saúde receberão até R$ 3.000 e os demais funcionários do governo até R$ 2.000.

A segunda parcela será quitada exatos dez dias após a primeira. Em 20 de fevereiro, os servidores receberão os valores restantes de seus salários.

A única exceção a esses critérios acontece no caso daqueles que são servidores da segurança pública. Ao contrário dos demais, que receberão os salários em duas parcelas, esses funcionários terão seus salários integralmente depositados em 11 de fevereiro.

Entenda

1ª parcela. 10/2 – serão depositados até R$ 3.000 para servidores da Saúde e até R$ 2.000 para os demais.

2ª parcela. 20/2 – valores restantes.

Os servidores da Segurança Pública receberão o pagamento integral no dia 11/2

Fonte:Jornal O Tempo

 

poradmin

Aniversariantes do mês de Janeiro

Aos aniversariantes, desejamos um feliz aniversário, saúde e sucesso.

1-1   Marco Aurélio Pereira

5 -1   Roberto Gonzaga da Silva

12-1  Adelino Pinheiro Silva

12-1  Dayse Lúcia Mascarenhas Gomes

13-1  Astolfo Ferreira Maciel

15-1  Jader Levy de Oliveira

15-1  Roberto Karam

20-1  Gabriel Nascimento Yamada

20-1  José Francisco Stoessel  Ribeiro

21-1  Lucas Moura Moreira

22-1  Fleury  Sócrates Loureiro

23-1  Maurício Moller de Oliveira

25-1  Denise Aparecida Silva

poradmin

ALMG aprova projeto do nióbio que garante 13º dos servidores

Com 73 votos favoráveis e nenhum contrário, os deputados estaduais aprovaram, em segundo turno, ontem, quarta-feira (4) o projeto de lei que permite ao governador Romeu Zema (Novo) obter cerca de R$ 5 bilhões para pagar o 13º salário do funcionalismo público e acabar temporariamente com o parcelamento dos salários dos servidores. A data do pagamento, no entanto, ainda está indefinida.

O texto será encaminhado  para o Executivo sancionar e dar seguimento à operação de venda dos créditos do nióbio, que seriam de direito da Codemig, até 2032 em leilão na bolsa de valores.

O secretário de Planejamento e Gestão Otto Levy já havia afirmado que a definição da data do pagamento do benefício natalino seria definida na semana que vem. Em audiência no Legislativo, também adiantou que o salário extra cairá na conta dos servidores em até 48 horas da efetivação da operação financeira.

Logo após a aprovação pela Casa, o presidente da Assembleia, Agostinho Patrus (PV), afirmou esperar que o Executivo pague o 13º ainda este ano.

Apenas quatro, dos 77 deputados não votaram o projeto do nióbio. Agostinho Patrus não vota por ser presidente, os deputados Marília Campos e Cristiano Silveira, do PT,estavam viajando e a deputada Ana Paula Siqueira (Rede) está de licença maternidade.Os deputados cobraram agilidade do governo no pagamento do 13º dos servidores, que esperam ter os valores nas contas  ainda este ano. O deputado João Vitor Xavier contestou a informação do governo, que negou ter dinheiro em caixa para fazer o pagamento e ser ressarcido depois com a verba do nióbio.

Segundo o parlamentar, mesmo que a operação não ocorra em tempo recorde, o estado teria condições de fazer o depósito imediato do benefício, pois tem a garantia de reposição do caixa.

O líder do governo, deputado Luiz Humberto Carneiro (PSDB), no entanto, não garantiu a data. “O que ficou acertado foi que, se votássemos até o dia 4, o pagamento do 13º seria feito e o salário será colocado em dia. Se será esse ano ou não, o governo dará um posicionamento”, afirmou.

 

Fonte: https://www.em.com.br/app/noticia/politica/2019/12/04/interna_politica,1105771/almg-aprova-projeto-do-niobio-que-garante-13-dos-servidores.shtml

 

 

poradmin

Parabéns a todos os Peritos Criminais

A ACEMG parabeniza todos os peritos criminas pelo seu dia,engrandecendo o trabalho desses profissionais que ocupam um papel fundamental na investigação técnica e na elucidação de crimes com conhecimento científico,proporcionando justiça através das leis que norteiam o trabalho pericial.

Parabéns,Peritos Criminais Oficiais!

poradmin

Aniversariantes do mês de Dezembro

Aos aniversariantes, desejamos um feliz aniversário, saúde e sucesso.

04-12  Luiz Alberto Santos Aguiar

05-12  Mauro de Mello

07-12  Armando Toschi  Filho

09-12  Antônio Marcos Soares de Souza

09-12  Mônica Domingues  de Oliveira

10-12  Francisco de Assis Mouro

12-12  Rogério dos Reis Carvalho

14-12  Experidião Izidoro Afonso Porto

14-12  Fernando Manuel Gaspar

16-12  Luiz Carlos Gomes

19-12  Galdino Gomes Neto

19-12  Márcia Martins Barroca

21-12  Luci Elizabeth Carrilho de Castro

24-12  Elson Natal Aquino de Almeida

25-12  Maciel Ferreira

25-12  Mary Lucy França da Mata

28-12  Cleusa de Assis Moura Passos

30-12  Dario Gomes de Azevedo Filho

30-12  Estevam José Parenti de Almeida

30-12  Leonardo Alex Rocha

poradmin

Governo de Minas Gerais anuncia escala de pagamento de Dezembro

Sem prever o pagamento do 13º salário e cumprindo o acordo de quitar em parcela única o salário dos servidores da segurança pública, o governo de Minas Gerais divulgou nesta sexta-feira (29) a escala de pagamento de dezembro.

primeira parcela será depositada no dia 10, sétimo dia útil do mês. Serão depositados até R$ 3.000 para os servidores da Saúde e até R$ 2.000 para os demais servidores.

segunda parcela será no dia 20, com depósito dos valores restantes.

Os servidores da Segurança Pública receberão o pagamento integral no dia 13.

Pelas redes sociais, Romeu Zema (Novo) afirmou que fez esforço e conseguiu pagar a segunda parcela do salário de dezembro antes do Natal. “Continuamos empenhados em conseguir recursos para o 13º”, declarou.

Fonte:Jornal O Tempo

poradmin

ALMG aprova em 1º turno verba para pagar 13º dos servidores

O texto enviado pelo governador Romeu Zema obteve 70 votos favoráveis e nenhum contrário e vai permitir ao estado receber cerca de R$ 4,5 bilhões antecipados de royalties do nióbio em uma operação financeira na Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemig).

Em meio à pressão do funcionalismo e em uma tumultuada sessão, os deputados aprovaram em primeiro turno, na manhã desta quarta-feira (20), o projeto de lei que vai possibilitar o pagamento do 13º salário do funcionalismo e o fim temporário do parcelamento dos vencimentos. A votação ocorreu depois de interrupções dos servidores, que ocupavam as galerias, e bate boca entre deputados que quase acabou em vias de fato. A confusão começou com a leitura,  pelo deputado Ulysses Gomes (PT) de um parecer do Tribunal de Contas sobre a operação pretendida.  Segundo ele,  a operação pode implicar irregularidades no cumprimento da lei de responsabilidade fiscal e “causar dano Irreversível ao erário”.

A confusão começou com a leitura,  pelo deputado Ulysses Gomes (PT) de um parecer do Tribunal de Contas sobre a operação Ulysses Gomes (PT) de um parecer do Tribunal de Contas sobre a operação pretendida.  Segundo ele,  a operação pode implicar irregularidades no cumprimento da lei de responsabilidade fiscal e “causar dano Irreversível ao erário”.

Mesmo com críticas, os parlamentares optaram por aprovar o texto e deixar a discussão para o segundo turno.

Em meio ao debate, os deputados André Quintão (PT) e Coronel  Sandro (PSL) quase saíram no braço. O petista reclamou da postura do colega, que em vídeo selfie dizia que a oposição estava obstruindo a votação. Quintão chamou Coronel Sandro de mentiroso e os demais parlamentares precisaram intervir para não terminar em briga física.

Ao ler parte do parecer do TCE, o deputados Ulysses Gomes defendeu a necessidade de mais discussão sobre o projeto. Segundo a nota técnica do TCE, os dados da operação são muito preliminares e falta uma modelagem definitiva.

“Tal medida requer cautela, demandando análise mais detida por tratar-se de operação inédita em Minas Gerais. A medida de curto prazo consiste e uma venda de direitos creditórios do Estado, cujo prazo ultrapassa o mandato da atual gestão, uma vez que se estende até 2032. Ao antecipar esses valores, o fluxo de recebíveis seria utilizado em um único momento”, registrou o TCE.

Segundo os técnicos,  embora a operação solucione a necessidade de liquidez imediata, “pode comprometer a receita das próximas gestões”.

Leilão

O governo diz que precisará de três a quatro semanas para efetivar a venda dos créditos do nióbio em leilão da bolsa de valores. Segundo o Executivo, há mais de 30 bancos interessados em comprar os direitos sobre os royalties.

Antes de ser votado em segundo turno,  projeto será discutido em uma audiência pública na Comissão de Minas e Energia, para a qual serão chamados técnicos do Tribunal de Contas do Estado. Os parlamentares querem informações do órgão de contas sobre os números e a viabilidade legal da operação financeira. A reunião seria nesta semana mas um acordo de líderes para acelerar a votação a adiou e fez com que o texto só precisasse passar por essa comissão extra após a votação em primeiro turno.

O parecer pela aprovação do projeto na Comissão de Fiscalização Financeira e Orçamentária, aprovado nessa terça-feira, deixou explícitas críticas ao projeto. De autoria do deputado Hely Tarquínio (PV), o texto registrou a preocupação com o pagamento dos servidores e com o deságio da operação, já que trata-se de um “valioso ativo”.

Antes de votar, o relator fez requerimentos ao governo de Minas pedindo informações mas poucos valores foram informados. O governo alegou que a Comissão de Valores Mobiliários não permitia que os dados fossem divulgados para não influenciar a venda dos ativos.

O governo informou, no entanto, os valores que precisa para pagar o 13º e por fim temporariamente ao parcelamento dos salários dos servidores. Para o benefício natalino são necessários R$ 3 bilhões. Em ofício, o secretário de Planejamento e Gestão Otto Levy também informou as datas possíveis para o pagamento dos servidores, de acordo com os valores arrecadados. Obtendo R$ 2,2 bilhões extras (além dos R$ 3 bilhões do 13º), o estado poderá pagar integralmente os salários no 5º dia útil. Se o valor for R$ 1 bilhão, os salários passam a ser quitados no dia 12.

Embora o governo não tenha informado, os cálculos de técnicos do Legislativo mostram que o estado arrecadaria cerca de R$ 6 bilhões com a exploração do nióbio até 2032. Com isso, se os royalties forem vendidos pelos R$ 4,5 bilhões colocados pelo projeto de lei, o governo abrirá mão de R$ 1,5 bilhão pela antecipação.

Segundo o parecer da comissão, a Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (CBMM) arrecadou R$ 13,94 bilhões com o nióbio entre 2012 e 2018, dos quais 25% do lucro líquido pertencem ao estado. Isso representa R$ 3,48 bilhões no período. Hely Tarquínio deixou claro que a comissão precisou fazer seu próprio estudo porque o governo não informou os números.

O presidente da Assembleia, deputado Agostinho Patrus (PV), confirmou que pretende pautar a votação final do projeto na primeira semana de dezembro.  “Na próxima semana faremos uma discussão mais aprofundada para que não haja risco jurídico ou ou qualquer questão que possa levar tudo por água abaixo”, afirmou.

Questionado sobre o relatório do TCE apresentado pela oposição, Agostinho Partus disse que os esclarecimentos serão prestados na semana que vem pelo órgão de contas.

O presidente da Casa garantiu que não há postura de obstrução no Legislativo e que todos os deputados pretendem aprovar o texto que garante o 13°.

O líder do governo Deputado Luiz Humberto (PSDB) afirmou que a tramitação do projeto do nióbio está dentro dos prazos colocados pelo governo e que a expectativa é que a aprovação definitiva ocorra até 4 de dezembro.  “Isso atende tranquilamente. Todos os deputados estão empenhados em aprovar o projeto”, disse. Segundo o tucano, com isso será possível pagar o 13° do funcionalismo ainda em dezembro.

Luiz Humberto minimizou as ponderações do TCE apresentadas pela oposição. “Confio na assessoria jurídica da Casa e eles já deram o parecer favorável na Comissão de Constituição e Justiça.  Se tivesse qualquer problema o projeto não tinha nem andado”, disse.

Fonte:https://www.em.com.br/app/noticia/politica/2019/11/20/interna_politica,1102468/almg-aprova-em-1-turno-verba-para-pagar-13-dos-servidores.shtml

poradmin

FESTA EM COMEMORAÇÃO AO DIA NACIONAL DO PERITO CRIMINAL

As Diretorias  da Associação de Criminalística do Estado de Minas Gerais  – ACEMG  e  do  Sindicato dos  Peritos Criminais do Estado de Minas Gerais – SINDPECRI, tem a honra de convidar os Peritos Criminais (Associados e Sindicalizados ), para a festa em comemoração ao Dia Nacional do Perito Criminal (Quatro de Dezembro).

O evento será  realizado  no dia 06 de Dezembro de 2019(sexta-feira), à partir  das 21h, no Olympico  Club, situado à Rua Professor Estevão Pinto, 783 – Serra – Belo Horizonte/MG

Os convites são limitados e deverão ser retirados na sede das referidas entidades.

Os Peritos Criminais Associados e Sindicalizados às referidas entidades, terão direito somente a 1 (um) convite, independentemente de serem Associado e/ou  Sindicalizado  a ambas.

O convite do acompanhante só dará  direito a entrada deste,acompanhado do Perito Criminal  Associado e/ou Sindicalizado responsável.

poradmin

CUIDADO DA SAÚDE DOS HOMENS

Depois do Outubro Rosa, começa o Novembro Azul, movimento de conscientização sobre a importância de detectar o câncer de próstata precocemente, aumentando as chances de cura .

O câncer de próstata é uma doença silenciosa,que não costuma apresentar sintomas.A detecção precoce pode aumentar em 90% as chances de cura.No entanto, 87% dos homens afirmam que o preconceito atrapalha a prevenção .

Diante deste cenário,a informação e conscientização são poderosas aliadas para mudarmos este quadro .

A ACEMG apoia essa causa. Venha conosco nessa campanha pela vida.

Fique bem, cuide-se bem!

poradmin

Aniversariantes do mês de Novembro

Aos aniversariantes, desejamos um feliz aniversário, saúde e sucesso.

 

01-11  Flávia da Cunha Moretzsohn Quintão

02-11  Carlos César Martins de Paula

05-11  Juliana Venorina  Sabato Souza

09-11  Kelson de Oliveira

15-11  Reinaldo Volponi  Filho

16-11  Soraya França Bandeira

17-11  Miguel Moreira de Rezende

18-11  Maria Tereza de Azevedo  Castro

 

poradmin

Governo de Minas Gerais anuncia escala de pagamento de Novembro

O governo de Minas Gerais anunciou, na manhã desta quinta-feira (31), a escala de pagamento dos servidores para o mês de novembro. A primeira parcela do salário será depositada no dia 11 de novembro, enquanto a segunda será paga apenas no dia 22 do mesmo mês.

Segundo a Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), os critérios adotados são os mesmos dos meses anteriores. Na primeira parcela serão depositados até R$ 3.000 para os servidores da segurança pública e da saúde, para os demais servidores serão depositados até R$ 2.000. Na segunda parcela, serão depositados os valores restantes para todos os servidores.

Fonte: Jornal O Tempo

poradmin

Negociações salariais da Segurança Pública avançam e são consolidadas em ata oficial

Dando continuidade as negociações com o Governo do Estado, as entidades de classe e os parlamentares que representam os servidores da Segurança Pública, se reuniram na manhã desta segunda-feira (07/10), com os secretários de Governo e de planejamento e Gestão, e de Justiça e Segurança Pública. Participaram também os Comandantes da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros e o Chefe da Polícia Civil.

O encontro teve como objetivo prosseguir no atendimento da pauta de reivindicação da classe, com destaques para a recomposição das perdas inflacionárias.

Os representantes reforçaram a necessidade de que o Governo se esforce, ao máximo, para adiantar o pagamento da primeira parcela prevista para 2020, o anúncio do índice, com exigência de que não seja menor que dois dígitos, e envio do projeto de lei à Assembleia Legislativa.

A reunião de hoje teve como avanço o compromisso assumindo pelo governo de que, até o dia 18 de novembro, irá apresentar, oficialmente, encaminhado ao Legislativo, já com definição de percentuais, datas e valores.

Todas as tratativas da negociação foram consolidadas em ata oficial, assinada pelo governo, deputados e presidentes das entidades que participaram da reunião.

poradmin

Governo de Minas Gerais anuncia escala de pagamento de Outubro

A Secretaria de Fazenda do Governo de Minas divulgou nesta terça-feira (1) a escala de pagamento dos servidores de outubro. Também foi anunciada a quitação integral do 13º salário de 2018. Veja:

Salário de outubro

1ª parcela: 10/10
2ª parcela: 24/10

Na primeira parcela, serão depositados até R$ 3.000 para os servidores da Segurança Pública e da Saúde. Para os demais servidores, serão depositados até R$ 2.000; Na segunda parcela, serão depositados os valores restantes para todos os servidores.

13º salário

Em 21 de outubro, será paga a nona e última parcela do 13º salário de 2018. Segundo o Governo, a antecipação de dois meses só foi possível devido a uma organização do fluxo de caixa.

Portanto, em vez de ser pago em 11 parcelas, como previsto inicialmente, o 13º do ano passado será quitado integralmente em nove parcelas para 100% do funcionalismo (ativos, aposentados e pensionistas).

Fonte: Jornal O Tempo

poradmin

Outubro Rosa

Valorize sua vida. Faça o autoexame nas mamas.
Prevenir é o melhor caminho.

poradmin

Aniversariantes do mês de Outubro

Aos aniversariantes, desejamos um feliz aniversário, saúde e sucesso.

 

Jorge Bruno Teixeira  – 06/10

Ricardo Augusto Brant da Veiga Reis  – 08/10

Heverton Resende Martins  – 09/10

Regina Eloá Miranda Barbosa Roquette  – 10/10

Walter Ferreira Damasceno  – 13/10

Milton de Paula Carvalho  – 14/10

Walney José de Almeida  – 15/10

Uilson Albino de Souza  – 16/10

Vivian Délie Sousa Saraiva de Resende  – 21/10

Ricardo Osvaldo de Souza  – 25/10

Alexandre Antônio Alves  – 26/10

Márcio Jacinto de Souza e Silva  – 27/10

Roberto Fonseca de Melo –  27/10

Anamari Soares Val  – 28/10

Anízio Eduardo Hermsdorff – 29/10

Sérgio Bellas de Romariz –  29/10

Heliane Anghinetti – 31/10